Vou me (re) adaptar!

"Se você soubesse quantas vezes me deixou no chão, talvez pararia de me magoar".

Aqui estou eu mais uma vez no chão e com o coração na mão, cansada de lutar por você e pela gente,  sinto um cansaço imenso e esse cansaço hoje não é físico e sim emocional. Você destruiu meu coração e nem ao menos se importou que estava aqui dentro.

(...) poderia falar de como está sendo duro dar um ponto final nisso tudo, de como me sinto fraca e cansada de ter tentando durante tanto tempo tudo isso, hoje eu vejo que tudo isso foi em vão, nem mais a nossa canção tocando no rádio faz eu me animar ao me lembrar de você, pelo contrário me chateia e me faz chorar. Estou partindo, seguindo e sumindo, desejo que você seja feliz e se um dia lembrar do meu amor não me procure, estou sendo obrigada a ser forte sem você, estou colocando um ponto final nessa história hoje por conta do meu amor próprio, segue seu rumo e deixa eu seguir o meu, não preciso mas dessa humilhação, uma hora de tanto dar murro em ponto de faca a gente cansa e dessa vez eu cansei, sem volta(..)

Vai ser melhor assim, hoje eu choro e sinto como que não fosse mais ter forças, porém sei que amanhã eu irei me levanta e seguir, hoje foi preciso cortar o coração para que ele sofra de uma vez por todas e esqueça toda essa dor, estou seguindo e sem você!


3 comentários:

<< >>